25 April, 2011

A cidade é um chão de palavras pisadas

A cidade é um chão de palavras pisadas
a palavra criança  a palavra segredo.
A cidade é um céu de palavras paradas
a palavra distância  e a palavra medo.

A cidade é um saco  um pulmão que respira
pela palavra água  pela palavra brisa
A cidade é um poro  um corpo que transpira
pela palavra sangue  pela palavra ira.

A cidade tem praças de palavras abertas
como estátuas mandadas apear.
A cidade tem ruas de palavras desertas
como jardins mandados arrancar.

A palavra sarcasmo é uma rosa rubra.
A palavra silêncio é uma rosa chá.
Não há céu de palavras que a cidade não cubra
não há rua de sons que a palavra não corra
à procura da sombra de uma luz que não há.
José Carlos Ary dos Santos
Porque só ele sabia que todos somos uma pequena cidade, repleta de tudo o que escrevia, sem igual.
Mais do que representar o 25 de Abril pela certeza que as palavras (e os homens) seriam livres um dia, este é o homem que me arrepia sempre!

Sorri Ary, já há luz. 

3 thoughts unleashed:

Fê-blue bird said...

Uma excelente escolha, parabéns!
Viva o 25 de Abril!
Não podemos deixar morrer o sonho!

beijinhos

Zoninho said...

excelente, excelente!

viva a Liberdade!

pinguim said...

Ary, como escritor é uma enorme referência do 25 de Abril, que se quer vivo, sempre!

 
Copyright (c) 2010 Unleash your thoughts.... Design by Wordpress Themes.

Themes Lovers, Download Blogger Templates And Blogger Templates.