19 May, 2011

Porque é verdade.
Até confiar, o meu olhar é este... de quem olha, mas desconfia.
Porque confio dificilmente, por muito que digam que sou boa menina, de coração grande e muito disponível para os outros.

Fico no canto, de defesas no topo do muro e olhos de quem gostava de não ter medo. Olhos de quem gostava de confiar.

Tal como os gatos é preciso que me atraiam com a ponta do novelo, me deixem tocar ao de longe, me deixem por as garras de fora. Me deixem, ou não, ter vontade de vir cá fora brincar.
Porque bufo, arranho, escondo-me. Mas, a devido tempo, também ronrono.

Estes também são os meus olhos quando confio. Derretidos com o amor (porque há vários tipos de amor) que tenho pelas pessoas. Com todo o meu carinho. Sempre à espera da oportunidade para saltar para a frente. Sempre à espera que me chamem para brincar...

[Mal posso esperar por ter uns olhinhos destes a olhar para mim ao voltar para casa...]

3 thoughts unleashed:

MRPereira said...

Na volta já tens e ainda não sabes... :)

Ou ainda não tens mas já tens...

Beijo grande

Eva Gonçalves said...

Here kitty, kitty.... :) Beijinho

Nicole said...

É o teu Kitty?

Tb quero adoptar um, mas custa-me horrores te-lo num apartamento... por isso estou muito indecisa.

Adoro gatos! São muito melhores que certos Humanos.

Beijinhos

 
Copyright (c) 2010 Unleash your thoughts.... Design by Wordpress Themes.

Themes Lovers, Download Blogger Templates And Blogger Templates.