19 November, 2010

Ainda um Domingo disse à S.: Querer é poder.

Entretanto, porque esta semana está a ser tão, mas tão pródiga... encontrei estas palavras da Mariana, que adaptei, pouco, pouquinho, para mim:

Sou estupidamente romântica e ainda assim, estupidamente fria e racional.
Sou disciplinada mas sou um espírito livre e lascivo.
Sou pela construção duma vida feita à medida mas quero pegar numa mochila e perder-me no mundo.
Sou pela espiritualidade [...].
Sou um anjo, a menina impecavelmente educada e correcta mas também sou a desbocada, asneirenta e impulsiva.
Sou terna e sou brutal.
Sou sentimental e sou carnal.
Sou decidida e encontro-me completamente perdida.
Sou corajosa e só me apetece fugir.
Sou madura, sou infantil.
Sou livre, sou uma prisioneira dentro de mim.
Sou pelas palavras, sou pelas acções.

 Sou ... não sou... serei??

Quero assentar, quero explodir em mil cores e experiências.
Quero amor, quero tudo o resto.
Quero viver, quero sobreviver.
Quero ser a melhor, quero desistir.
Quero ter o controlo, quero ir com a maré.
Quero ser uma boa pessoa, quero ser um animal sensitivo.
Quero viver de bem com a minha consciência, quero não ter consciência, apenas impulsos.
[...]
Quero clarividência, quero dormência.
Quero regras, quero liberdade ilimitada.
Quero algemas de seda, quero sentir a pó por baixo dos pés descalços.

Quero saber quem sou, quero que nada disto importe...


É isto tudo.

Bom fim-de-semana - que o meu vai ser de trabalho...

5 thoughts unleashed:

anf said...

E terás tudo isso, porque o mereces,
bjo

Mariana marciana said...

Sermos isso e mais...muito mais! :)
Beijinho grande

Poetic GIRL said...

Ora nem mais, querer é poder! beijoca

Meio Cheio said...

Está tudo dito...acho que isso somos todas um pouco...acabaste de descrever muita gente e não apenas a ti!
Se te serve de consolo o meu fim de semana tambem será a trabalhar e muito provavelmente vou sentir os protestos da cimeira --'
Beijinho caramela*

Miguel said...

Já lá tinha encontrado este (o outro) texto, mais um daqueles tão simples mas que nos deixam a pensar em tudo o que somos e porque perdemos tanto tempo com futilidades. Alguma vez teremos tempo para nos descobrirmos completamente?

 
Copyright (c) 2010 Unleash your thoughts.... Design by Wordpress Themes.

Themes Lovers, Download Blogger Templates And Blogger Templates.