18 January, 2010

Nos últimos dias tenho vindo aqui para escrever. Mas não consigo.
Confrontada com provas de amizade inesperadas, com carinho, sorrisos e compreensão.
Mergulhada na confusão, nas lágrimas que não brotam, na falta de Força, na "solidão", na irritação, no querer dar um murro na mesa...
Chego aqui e encontro belíssimas formas em que as minhas palavras e sentimentos já foram ditas por outros... e simplesmente não as posso trazer para aqui.

Estou num loop.
A cair numa descrença, num descrédito. E não quero. Não quero!

Fico tão feliz com as surpresas... com as lembranças. Com as novidades, as novas hipóteses.
Mas não consigo deixar de me questionar. De pensar o pior. De deixar o pequenino medo instalar-se.
Começo a ficar farta...

Banhada em Amor, em Sonhos, em vontades. Luto, perco(-me), levanto-me.
Acredito, envolvo-me em dilemas. Imagino, visualizo. Testo-me, apercebo-me...
Mordo os lábios, sento-me em cima das mãos.
As horas passam com tanto para fazer.
Sinto a areia a escapar-me na ampulheta... com medo que os meus desejos fiquem vazios também.

É verdade, estou irritada!

10 thoughts unleashed:

Neemi said...

Se queres dar um murro na mesa dá, se queres chorar, chora. E se os outros já disseram os teus sentimentos diz à mesma! Irrita-te sem medos! Tudo é melhor do que deixar aí dentro, do que não expressar...
Todos nós em certa altura caimos e não queremos mas sabes que ás vezes (por muito dificil que seja de acreditar) até é boa essa queda? Porque a seguir levantamo-nos e vemos o mundo completamente diferente! Cheio de cor e alegria que nos foi negada durante o nosso periodo de queda.

E é normal que tenhas receio e penses o pior, se não fizesses isso nao eras humana querida =)

Estou aqui para o que precisares e para te amparar nessa queda e de certeza que todos os seguidores aqui do blog e as pessoas à tua volta também estão assim para ti =)

Muitos beijinhos e força!****

Emanuel said...

Não precisas de repetir, tu tens um jeito proprio de te exprimir, os sentimentos e pensamentos podem ser os mesmo mas nunca a sua expressão...

Irritadinha é que ficas gira!!! :P

pinguim said...

Nada de desânimos...
Há dias menos bons, mas estamos vivos e a Vida é bela...

pintas* said...

Temos de seguir.
Estou a aprender que uns dias são melhores que outros, mas são dias. E temos de aprender a lidar com eles!
Não desanimes.
Entendo-te perfeitamente.
Mas se precisares de chorar, chora.
Se precisares de gritar, grita.
Se precisares de conviver, convive.
Se precisares de estar sossegada no teu canto, fica.
Força*****

Eva Gonçalves said...

Hey!! Estás irritada, pronto! (ou estiveste... cheguei um pouco tarde...) Happens to all of us. I don't know, just scream or something!! Hell I could do with a scream right about NOWWWWWWWWWW! Try it...says your favourite therapist!! (Tell me what the neighbours shouted latter...)

Bea. said...

Não tenha medo de se expressar, está irritada, logo melhora, mais viva cada momento, a hora de ser feliz é agora.
um beijo grande.

Nicole said...

O medo é o nosso pior inimigo. Não te entregues a ele nem ao que te possa correr mal.

Enche o peito de ar e enfrenta, se correr mal, olha fica a lição, e é seguir em frente para a proxima batalha!

Se te identificares com o q escrevo (porventura) podes me linkar à vontade.

beijinhos e tem um óptimo dia.

Mau Feitio said...

Chorar limpa a alma.
Chora!
Eu prometo-te que vai passar.
Um longo abraço.

Nicole said...

(Deixo pois! Querer é poder, e quantos mais melhor!)

beijinhos

Saga said...

Estava eu a dar a habitual vista de olhos aos teus posts quando me deparo com esta frase:

"Sinto a areia a escapar-me na ampulheta"

Senti um toque aqui dentro, daqueles que te fazem aperceber o quanto te identificas com a frase...

**

 
Copyright (c) 2010 Unleash your thoughts.... Design by Wordpress Themes.

Themes Lovers, Download Blogger Templates And Blogger Templates.