19 August, 2010

... luta.

Hoje deu-se aquele primeiro momento mais "verdadeiro".
Ele diz que eu mostrei as garras. Eu deixei-me ser o eu do dia-a-dia - já que é para nos aturarmos mais...
No fim ele deu razão à teoria de que somos muito parecidos, adoçou a voz e depois de uma gargalhada mudamos para um daqueles temas que nem parece possível.

Lá para o meio, ouvi-te no rótulo de que tanto foges. Agora estou aqui, indecisa entre fazer "birra" porque também quero; ou ficar contente porque apesar da fuga, afinal é possível.
Luto pela segunda opção, luto para construir e aprender.

E a música que não me deixa a memória desde a última visita à Póvoa... vamos lá jantar?

7 thoughts unleashed:

ESpeCiaLmente GaSPaS said...

Gosto da musica :P

anf said...

Lutar sempre,

bjo

Poetic GIRL said...

Saíras vencedora se lutares, se baixares os braços nunca saberás se era ou não possível, por isso you do fight girl! bjs

Emanuel said...

ai a música...é mesmo amazing...oh tempo

Emanuel said...

ai a música...é mesmo amazing...oh tempo

Margarida said...

Luta sempre, afinal a luta, que por vezes tão desigual parece, leva-nos sempre a alguma certeza. A tua, com certeza te aproximará, cada vez mais, da certeza que anseias.

Beijinho,
Bom fim de semana :)

pinguim said...

Acho que dessas "lutas" ninguém sai vencido ou vencedor; e a música ajuda, e de que maneira.

 
Copyright (c) 2010 Unleash your thoughts.... Design by Wordpress Themes.

Themes Lovers, Download Blogger Templates And Blogger Templates.